domingo, 26 de junho de 2016

Amor é verbo

Amor é dom,  é  gratuidade, é doação, é via de acesso  para a paz, para a felicidade , para Deus e para o outro. 
O amor não encobre falhas, mais o amor é  tolerante. 
O amor não obrigada você a nada, entretanto é  de sua natureza dar-se. 
Amor tem sinônimos exigentes no pacote do aprendizado do verbo que os dicionários não mostram, (como perdão, comunicação, crescimento, superação, etc.) pois ele não vive e/ou sobrevive só de letra, mas sobretudo de vida,  de lida. Amor é vivência exclusiva do presente, pois o mesmo não vive do ontem e não pode aguardar o amanhã,  pois para quem ama, o futuro pode não chegar. 
#ficaadica pra nós todos! 
#anotado

(Texto: Bebel Tavernard)

Nenhum comentário:

Postar um comentário